28/07/2011

Transmissão de Emergência! A Nova Ordem Mundial!

Voce precisa assistir a este video.

Neflins : Anjos caídos ou rebelião alienígena?

A história dos Anjos Caídos é um desses eventos que aparece em quase todas as civilizações da antiguidade. Faz parte da mitologia hindu, judaica, sumeriana, inca... Sempre me chamou atenção tudo que envolve esse evento bizarro onde criaturas celestiais descem a terra, como o nome diz, e tomam pra si as humanas que eram belas aos olhos deles naquela época...

Antes de desenvolvermos qualquer teoria a respeito de quem eram os anjos caídos e o porquê desta atitude ser tão condenável aos olhos dos deuses ou de Deus, é necessário fazer rápida passagem por todas as histórias que descrevem esse evento trágico e decisivo para humanidade.

Lembrando que mito, ao contrário do que muitos pensam, não são estórias inventadas aleatoriamente e de pouco valor na elucidação da nossa gênese ou teoria de como tudo começou. Muito pelo contrário o mito é a forma ou formato da expressão de um povo sobre acontecimentos reais, sendo de menor importância a veracidade de cada detalhe contado no mito. O interessante é deter-se na forma, nos arquétipos que nada mais são que a visão ou o olhar de um povo sobre eventos reais de sua história.

Partindo do princípio de que o mito é um registro válido e importante é interessante apurar o olhar e tentar analisar quais os pontos em comum nesses mitos de diferentes povos que relatam o mesmo acontecimento (cada um a sua maneira), neste caso o evento dos anjos caídos, ou os neflins que vem ao planeta Terra e quebram as regras tendo relações com as filhas dos homens, gerando inclusive uma raça híbrida, seres de grande estatura descritos na bíblia como gigantes sem moral e perversos. Vindo mais tarde a ser o motivo da ira de YAVEH que varreu a humanidade da Terra mandando o dilúvio também descrito em todos esses povos.

No Livro (apócrifo) de Enoque é descrito com detalhes todo o desenrolar da desgraça que se abateu a esse grupo de seres, que por hora chamaremos de celestiais, liderados por Samyaza, um anjo de grande poder que liderou a rebelião e deste grupo de anjos e não LUCIFER.

A palavra Lúcifer, do latim Lux + fero = que traz luz é citado na Vulgata (versículo 12 cap. 14 Isaias) Mas na tradução das bíblias grega e hebraica esse nome não aparece , veja na tradução correta: “Como caíste do céu, estrela filha da manhã. Foste atirada na Terra como vendedora das nações” e São Gerônimo a reescreve desta forma: "quomodo cecidisti de caelo LUCIFER (astro brilhante, ou luz matutina) qui mane oriebaris corruisti in terram qui vulnerabas gentes".

Fica evidente que o termo é latino e lançado por São Gerônimo quando da tradução da Vulgata.

Essa correção é necessária para que possamos abandonar um pouco a interpretação religiosa que se utilizou deste evento para criar ou dar explicação do bem e do mal, colocando Lúcifer como o anjo caído (moralmente) que desafiando a Deus tornou-se Satanás ou Diabo ou qualquer dos diversos nomes dados a este ser que sendo quase perfeito, decaiu, involuiu, degradando-se a ponto de tornar-se o próprio mal e causador de toda iniquidade. Da mesma os outros anjos decaídos tornaram-se os demônios, espíritos sem moral e atormentadores do homem. Porém isto nada mais é que uma interpretação conveniente para a igreja e vigente até hoje nos meios religiosos.

que nos interessa, como já foi dito é juntar os pontos, linkar as informações contidas nos vários relatos de outros povos e assim encontrar elementos parecidos, quem sabe assim podemos chegar a vislumbrar o que realmente pode estar por trás do episódio dos anjos caídos.

O Dilúvio é relatado, segundo Antropólogos, em centenas de povos e culturas diferentes do mundo é descrito em fontes americanas, asiáticas, sumérias, assírias, egípcias e persas, entre outras, de forma semelhante ao episódio bíblico.

O Deus Inca Viracocha teria mandado o dilúvio para acabar com uma raça de gigantes (neflins) e após este evento teria designado a repovoação da Terra a dois irmãos.

No Dilúvio Maia, deuses após criarem seres para povoar a Terra, percebem que estes seres eram arrogantes, não obedientes e insatisfeitos mandaram o dilúvio para acabar com essa raça de seres (não poupando nenhum deles)

No Dilúvio Sumeriano, o grande Gilgamesh semideus em suas andanças em busca da imortalidade encontra a Utnapishtim e sua esposa (únicos imortais) os quais contam a ele a história do dilúvio (do qual foram poupados pelo Deus EA), que havia sido mandado pelos deuses para exterminar com a humanidade desobediente.

No Dilúvio Grego, Poseidon a mando de deus resolve inundar a terra para por fim a vida da humanidade que havia aceitado o fogo de prometeu no Monte Olimpo.

No dilúvio Hindu, nas escrituras védicas da índia, Svayambuva Manu foi avisado sobre o dilúvio por uma encarnação de Vishnu.

Os elementos em comum sempre são que algum Deus insatisfeito com a raça de viventes na Terra, resolve por fim a esses seres mandando um dilúvio, em quase todos os relatos, algum ser é poupado desse castigo (testemunha que conta os fatos).

Há um consenso nessas histórias que seres que habitavam o planeta não obedeciam aos deuses e foi necessário um evento a nível mundial que os exterminasse, destruindo também quase toda a humanidade.

Interessante verificar que os tais gigantes, ou seres desobedientes não eram humanos comuns, já que para destruí-los era necessário destruir junto à humanidade inteira, portanto não se tratavam de rebeldes comuns.

Bem e afinal quem eram esses seres, anjos caídos, neflins ou gigantes? Recorrendo as escrituras bíblicas encontramos uma passagem interessante, com interpretação dúbia por parte dos teólogos principalmente:

"Também vimos ali gigantes, filhos de Enoque, descendentes dos gigantes; e éramos aos nossos olhos como gafanhotos, e assim também éramos aos seus olhos. Números 13:33"

Eram como gafanhotos é sempre interpretado como se referindo a quantidade, porém o mais provável é que fosse quanto à aparência desse seres (diferentes na sua aparência). O termo Neflim é traduzido como gigante, porém analisando esta passagem podemos ver que o termo Neflim não é adjetivo para designar o tamanho desses seres:

"E infamaram a terra que tinham espiado, dizendo aos filhos de Israel: A terra, pela qual passamos a espiá-la, é terra que consome os seus moradores; e todo o povo que vimos nela são homens de grande estatura. Números 13:32"

Comparando essas duas passagens nota-se que Neflins e homens de grande estatura são dois tipos de seres, se não fosse assim porque a diferença na designação desses seres, nessas duas passagens.

Além disso, temos esta outra passagem, de tradução que omite a diferenciação entre os vários seres que habitavam aqui naquela época. Vejam a diferença:

"Também essa foi considerada terra de gigantes; antes nela habitavam gigantes, e os amonitas os chamavam zamzumins; Um povo grande, e numeroso, e alto, como os gigantes; e o SENHOR os destruiu de diante dos amonitas, e estes os lançaram fora, e habitaram no seu lugar; Deuteronômio 2:21"

A tradução como originalmente escrita:

"Também essa foi considerada terra dos Rephaim; os Rephaim habitavam ali anteriormente, e os amonitas os chamavam zamzumins; Um povo grande, e numeroso, e alto, como os Anaquins e o SENHOR os destruiu de diante dos amonitas, e estes os lançaram fora, e habitaram no seu lugar; Deuteronômio 2:21"

Ao traduzir tudo como gigantes, perde-se uma informação crucial: de que havia mais de uma raça de seres, diferente dos humanos, habitando nosso planeta.

Zacharia Sitchin, pesquisador e especialista de escrita cuneiforme dedicou sua vida a tradução das tabuinhas sumerianas, povo que descreve a saga de seres alienígenas oriundos de um planeta Nibiru, que aqui chegaram em busca de um mineral (ouro) para salvar a degradação da atmosfera de seu planeta. Estes seres, os Anunnakis, exímios geneticistas precisaram criar uma raça de seres que os servissem no trabalho de mineração e para isso misturaram seu próprio DNA com o do símio que habitava o planeta para criar o homem. Toda a saga dos Anunnakis é descrita nas tabuinhas sumérias com precisão de detalhes, o povo sumeriano considerava os Anunnakis os deuses criadores, os que do seu vieram. Na bíblia encontramos a correspondência nos Elohim palavra que designa o criador, mas que está no plural, portanto criadores.

Os neflins seriam segundo as traduções de Sitchin, fruto do cruzamento de alguns Anunnakis com as humanas, onde retornamos ao episódio dos anjos caídos.

Para mim fica muito claro que anjos caídos nada mais são que seres advindos do espaço, divinizados e contados em forma de mitos por todos os povos e culturas. Nada mais natural que interpretar desta forma. Inconcebível para o homem simples e tacanho descrever seres de alta tecnologia que chegaram aqui numa época em que nem a roda existia, o que dizer espaçonaves e toda tecnologia que cercava estes seres que chegaram como criadores e colonizadores aqui no planeta.

Porém ouso dizer que não foram só os Anunnakis que habitaram a Terra nessa época primordial, outras raças parecem ter passado por aqui. Os Anunnakis criaram o homem a sua semelhança, portanto aspecto humanóide. Porém há inúmeros registros de outro tipo de ser, também vastamente descrito em toda a mitologia, que são seres de aspecto mais bizarro, geralmente reptóide, descrito em várias culturas como o povo Serpente, ou dragão. Este povo pode ter habitado o planeta até anterior aos Anunnakis, ter sido tão ou mais avançado tecnologicamente e que por algum motivo não deixou descendência, como foi o caso dos Anunnakis.

Sobre esse assunto há varias teorias, a grande maioria especulativa e não conclusiva, sendo a mais difundida de todas a do canalizador David Icke, que se autodenomina contatado ou escolhido, e que através de revelações foi informado que uma raça reptiliana vive ainda aqui na Terra em mundos subterrâneos, ligadas a algumas famílias detentoras do poder atual. Alex Collier, outro famoso canalizador, também se denomina contatado e apregoa que essa raça de

reptilianos é maligna, carnívora e é responsável pelo desaparecimento de crianças e pessoas por todo o mundo.

Tirando o excesso de especulação e fantasia que cerca o assunto, não podemos ignorar que são centenas de registros em centenas de culturas que falam desse povo de aparência híbrida meio humano, meio réptil.

Voltando ao assunto deste texto, anjos caídos, podemos conjecturar que talvez a história envolvendo seres rebeldes que tomaram humanas para si e foram amaldiçoados pelos deuses podem ser na verdade, duas raças distintas de seres que habitaram este planeta. Uma disputa interplanetária pelo comando do planeta. Não se trata de uma teoria, afinal não temos fundamentação para isto. Mas há indícios de que este evento dos anjos caídos seja uma das pistas de que a história da humanidade e do nosso planeta possa ter começado muito longe daqui, envolvendo disputa de poder, recursos naturais, engenharia genética e muito mais. Cabe a nós sempre abrirmos nossa mente e expandirmos nossa consciência, para conectar as várias informações disponíveis que passam despercebidas e sofrem todo tipo de distorção no decorrer da história por tantos grupos e seus interesses escusos.


Diana Rosa

Texto meu, originalmente postado no http://aborigine42.blogspot.com


21/07/2011

Crânios Humanos com Chifres


Durante a década de 1880 um grande túmulo foi descoberto em Sayre, com vários crânios humanos e ossos estranhos.

Os crânios tinham chifres, foram caracterizados como gigantes, por representar pessoas com mais de 7m de altura. Os corpos foram enterrados por volta do ano 1200, segundo cientistas.

A descoberta arqueológica foi feita por um grupo respeitável de antiquários, incluindo o Dr. GP Donehoo, do estado da Pensilvânia dignitário da Igreja Presbiteriana; AB Skinner, do Museu Americano de Instrução e WKMorehead, da Phillips Academy, Andover, Massachusetts.

Não era a primeira vez que um gigantesco crânio com chifres foi desenterrado na América do Norte.

Durante o século 19, crânios semelhantes foram descobertos perto de Wellsville, New York e em uma vila perto de mineração para El Paso, Texas. Em um momento da história humana, chifres eram usados como sinais de realeza. Alexandre, o Grande, era representado com chifres em algumas de suas moedas. Em "tempo de Moisés", os chifres eram um símbolo de autoridade e poder.

De acordo com relatos históricos, os ossos foram enviados para investigação no American Museum, em Filadélfia. Contudo, os artefatos foram roubados e nunca mais foram vistos.

Fonte: Questão de Raciocínio

18/07/2011

O Elenin é controlado por uma inteligência?


Diretamente do Projeto Camelot: a “Conferência de Elenin” ofereceu uma série de descobertas importantes com relação ao cometa Elenin, sendo a mais importante delas a sua artificialidade, os efeitos de campo de torção que ele exerce, e até a possibilidade de ser algum tipo de nave.

O cometa Elenin pode ser uma espaçonave inteligente, de acordo com uma série de palestrantes em uma conferencia que ocorreu recentemente, apresentada online no famosíssimo site Project Camelot. Inúmeros entrevistados concordaram que o Elenin estará na máxima proximidade, passando entre o sol e a Terra em um momento de mudanças planetárias e sociais extraordinárias que coincidem como fim do calendário maia.

Uma série de indivíduos que fizeram revelações nesse sentido foi citado, dando suporte à teoria segundo a qual Elenin poderia ser um objeto guiado artificialmente que poderia ser responsável por mudanças planetárias em larga escala por todo o sistema solar.

A conferência trouxe grandes inovações no sentido de revelar alguns dos mistérios que cercam o Elenin, com pareceres e testemunhos contundentes de indivíduos que trazem a publico o aspecto artificial do objeto e sua orbita incomum. Em uma omissão surpreendente, os organizadores da conferencia não apresentam literatura cientifica com detalhes do impacto sísmico que o Elenin pode causar na Terra. Ao combinar a interpretação ainda que superficial dos dados científicos e as palestras da conferência, nós chegamos a uma conclusão extraordinária: o cometa Elenin está causado perturbação gravitacional poderosa, algo como uma tecnologia indicativa de uma nave interestelar que se move em direção a Terra.

A Conferência Elenin foi organizada por Kerry Cassidy e apresentou palestrantes que discutiam informação cientifica sobre o cometa. Richard Hoagland, Dr.Joseph Farrel, Keith Hunter, Dr.Carl Johan Calleman e Andy Lloyd participaram do evento. Hoagland abriu o evento com uma apresentação sucinta da importância da orbita do Elenin, e porque esta sugere um objeto artificial sob controle inteligente. (uma nave antiga) ou um corpo natural (cometa) deliberadamente mantido em orbita artificial. Ele enfatizou o periélio do Elenin (ponto mais próximo do sol) em 11 se setembro de 2011 como sendo evidencia de uma criação inteligente que chama nossa atenção para as profundas mudanças geopolíticas que ocorreram exatos dez anos antes.

Hoagland também apontou para o fato que na hora que o Elenin passar pela Terra na maior proximidade, o asteróide 2005YU55 estará passando a apenas 200.000 milhas da Terra, em 9 de novembro. Como que “coincidentemente”, o FEMA (Federal Emergency Management Agency, ou Agência Federal de Gerenciamento de Emergências dos Estados Unidos) determinou o teste de segurança doméstica da FEMA, onde rádios e televisões deverão dedicar tempo a um exercício de segurança. Seria uma coincidência que os lideres de segurança nacional americana saibam de algo de grande importância para acontecer nesta data?

O próximo palestrante foi Keith Hunter que declarou que os corpos celestes irradiam sinais harmônicos que podem influenciar orbitas e atividades sísmicas por aqui. Hunter declarou que o Elenin é um corpo de pequena massa que poderia fazer algo incomum se capturado por “configurações harmônicas poderosas.” A contribuição mais significativa de Hunter foi a relação entre as “configurações harmônicas” a nível planetário e a atividade sísmica. Infelizmente, ele não estava ciente do trabalho conduzido pelo doutor Mensur Omersbashich que reuniu estudos aprofundados do alinhamento do Elenin com outros corpos celestes coincidindo com abalos sísmicos importantes na Terra.

O doutor Omersbashich declarou que desde 2006, o cometa Elenin tem causado impacto perceptível na atividade sísmica terrestre. Os escritos do Dr. Omerbashich foram lançados em 11 de abril de 2011 e foram intitulados “Astronomical alignments as the cause of M6 +seismicity”(Alinhamentos astronômicos com causa de força sísmica de grau M6 ou mais). A idéia básica deste estudo é que, quando corpos planetários se alinham com a Terra, isto gera aumento da atividade sísmica. Ele oferece registros de grandes eventos sísmicos de magnitude superior a seis, e de que estes teriam ocorrido em momentos de alinhamento planetário.

O calendário maia, segundo o Dr. Carl Calleman, opera em nove ondas ou níveis distintos. A nona onda, que coincide com o fim do calendário maia, ocorreria em 28 de outubro de 2011. Colleman acredita que o mundo entrará em uma nova era de expansão da “consciência de unidade” neste instante. Enquanto o fim exato do calendário maia é assunto controverso, e outros autores o colocam como sendo 21 de dezembro de 2012, Coleman sustenta que outubro de 2011 seria a data de termino do calendário. Ele coloca que a data coincide com a passagem do Elenin pela órbita da Terra sugerindo que esta será muito mais significativa que se possa esperar.

Os principal organizador da conferência, Kerry Cassidy, revelou que uma série de pesquisas reveladoras mostram que o Elenin é uma nave pilotada, e que de fato é escoltada por uma frota de naves. Hoagland declara que isso já é sabido confidencialmente por outros pesquisadores. O Dr. Joseph Farrel concorda com este ponto de vista e alega que o Elenin deve ser uma nave pilotada por força inteligente ou um corpo celeste natural guiado em orbita artificial. Hoagland faz o comentário que talvez seja o mais relevante do encontro, sugerindo que o Elenin seria provavelmente um gerador de campo de torsão ativado.

Tradução: Chico Penteado para o Transição Planetária

Fonte
http://transicaoplanetaria.blogspot.com

17/07/2011

'Fim do mundo' em 2012 faz proliferar seitas apocalípticas

As profecias sobre o fim do mundo, previsto por gurus apocalípticos para o dia 21 de dezembro de 2012 de acordo com o calendário maia, têm aumentado o surgimento de seitas na França, segundo um relatório oficial apresentado nesta quarta-feira que recomenda maior vigilância sobre elas.

(foto ilustrativa)

Diante desse fenômeno, os poderes públicos devem "aumentar a vigilância" contra "atos extremos" que podem ser cometidos pelos cidadãos conduzidos por esses discursos milenaristas, adverte o relatório anual da Missão Interministerial de Luta contra as Seitas (Miviludes), entregue nesta quarta-feira ao Governo.

O estudo assinala que a data de 21 de dezembro do ano que vem, quando termina o calendário maia, representa a 183ª já anunciada como dia do fim do mundo desde a queda do Império Romano.

No entanto, a proliferação das novas tecnologias promoveu a profecia de 2012 "uma ressonância amplificada", enquanto a crise econômica mundial e as catástrofes naturais dão aos cidadãos "uma razão extra para crer no fim do mundo".

O relatório aponta que, no ano passado, foram registrados 2,5 milhões de sites referentes ao fim do mundo em dezembro de 2012.

As seitas que se baseiam em previsões apocalípticas são "mais alienantes e mais manipuladoras que as outras" e suas estruturas são "mais histéricas e fanáticas", acrescenta o estudo.

Na França, é muito lembrado o suicídio coletivo de 16 membros da seita da Ordem do Templo Solar na colina de Isère, perto da fronteira franco-suíça, que se atearam fogo em 1995. O relatório também alerta contra os "dramas individuais" de muitas pessoas que decidem "romper com sua vida" para chegar a provocar a própria morte.

A Miviludes mantém atenção especial sobre a localidade de Bugarach, uma pequena comuna do sudeste da França situada junto a um penhasco considerado por diversas profecias que circulam pela internet como o único lugar que se salvará do apocalipse de dezembro de 2012.
foto ilustrativa

O povoado, de menos de 200 habitantes, viveu nos últimos meses uma explosão da demanda imobiliária. Além disso, proliferam os pedidos de reservas de quartos para essa data na localidade, disse em entrevista ao jornal "Le Figaro" o prefeito da comuna, Jean-Pierre Delord.

"Ligam para pedir um quarto e reservas de alimento para dezembro de 2012", afirmou o político. Segundo ele, a localidade tornou-nos últimos meses um destino de peregrinação para diversos grupos esotéricos.

Bugarach, com altitude aproximada de 1.230 metros, também foi assinalada na internet como uma garagem de ovnis e como a porta para uma civilização desaparecida.

UOL

16/07/2011

HAARP - Uma ficção científica?

Síntese do texto extraído do BLOG Exopolitics
A guerra oculta do HAARP contra a Indonésia, Haiti, Chile, China e Japão: Qual será o próximo?

por Rubén Martínez Rodríguez- Exopolitics México

"Cerca de dois anos atrás, eu escrevi sobre as avançados antenas HAARP (High Frequency Active Aurora Research Program) instaladas no Alasca, para a Defesa dos EUA. Para isso consultei o Pentágono"

Muitos se surpreendem com o problema, tomando-a como ficção científica. Científicos em muitos locais do mundo ignoram totalmente essa realidade.

Agora, estão usando a antena HAARP como uma arma ofensiva para provocar catástrofes, terremotos, tsunamis, um negócio de dominação política.

HAARP como uma arma, agora está atendendo a grupos poderosos para ampliar seu poder.

Fulford entrevistou alguns anos atrás, Heizo Takenaka ex-ministro das Finanças japonês e lhe perguntou por que eles estavam entregando o controle financeiro das oligarquias de seu país para os EUA e a Europa.

Ele e sua equipe disseram que o Japão havia sido ameaçado de terremotos, experiência causada por uma máquina. Incrivelmente, Fulford foi informado de que 2 dias depois da ameaça, na cidade de Niigata, dois terremotos de 6,8 graus ocorreram e que a origem destes ataques vieram das antenas HAARP.

Vou lembrar-lhe que as antenas HAARP existem e são a soma de Kvatios de 180 antenas de 72 metros cada, que são sincronizadas com disparos de ondas eletromagnéticas com carga mínima de energia de 3,6 milhões de quilowatts para a ionosfera

Com HAARP estão atacando de forma sincrônica, o que é politicamente correto aos seus interesses:

· A Indonésia não quer abrir o estreito de Malaka então foi causado um tsunami (26/12/2004)

· A China concordou com o Brasil comercialmente via Xangai para chegar à segunda potência mundial, então foi aplicado o terremoto na China (14/04/2010)

Não esqueçamos que tivemos o evento mal explicado na Região Serrana – Teresópolis, Friburgo etc no Estado do Rio de Janeiro 12/01/2011 – Brasil (observação de Laura Botelho)

HAARP Região Serrana RJ
· O Imperador do Japão se reuniu com o presidente chinês, para promover alianças, daí veio o terremoto, tsunami e a crise nuclear de Fukushima. (11/03/2011)

Não é só isso, bolsas de valores do Japão de ações como um terceiro colapso da economia mundial, o iene depreciou-se face ao dólar e Wall Street, curiosamente, se recupera da crise de acordos Japão, e Japão com a China são detidos por agora e sujeitos a piorar.

O comandante e presidente da Nicarágua, Daniel Ortega marca como assassinos e criminosos os governantes dos EUA, França e Inglaterra pelo ataque contra a Líbia, então foram sacudidos há poucos dias com tremores de 4,8 graus.

Alfred Webre - texto da entrevista com Leuren moret:
A cientista independente chamada Leuren Moret, escreveu um artigo em 2004 que tornou marco no Japan’ Times, expondo as mentiras e distorções por funcionários do governo e da empresa que levou à construção de usinas nucleares em áreas sismicamente perigosas.

Ela disse em uma entrevista exclusiva em vídeo de 65 minutos para Alfred Webre Lambremont que o "terremoto no Japão e “acidentes" nas 6 centrais nucleares em Fukushima, que se deu em 11 de março de 201, são atos deliberados, como parte de uma guerra nuclear.

Focando as placas tectônicas de sensível instabilidade, a meta seria atingir a ecologia das populações do Japão afetando assim todas as nações do Hemisfério Norte, incluindo EUA, Canadá e México.

O terremoto no Japão foi produzido pela HAARP- Aerosol/Chemtrails - arma de plasma, para produzir o vazamento de radiação mega nuclear.

Outro ponto a se levantar é sobre o vírus Stuxnet projetado para causar um mau funcionamento dos controladores Siemens, projeto usado em algumas usinas nucleares de Fukushima.

Stuxnet vírus também foi usado pela inteligência de Israel - o Mossad - para destruir as centrífugas nucleares no Irã, em Bushehr.

O problema depois do terremoto foi que havia uma avaria nas bombas e válvulas, e os trabalhadores das usinas não puderam acionar essas bombas após o terremoto. Este cyber ataque só contribui para ação da HAARP, disse Moret
A energia liberada no terremoto do Japão pela ondas provocadas pelo HAARP foi equivalente a 1 milhão de bombas nucleares segundo científicos.

Segunda a Cientista Moret, o equivalente de radiação de 92 mil bombas nucleares entrarão na troposfera, e viajarão dentro de 300 pés de altitude sobre o Japão e os Estados Unidos.

FEMA "evento programado”
Sra. Moret disse que em 10 de setembro de 2001, a FEMA (Federal Emergency Management Agency) "previu" 3 catástrofes futuras nos EUA 2 desses são as operações do 11/09 e Furacão Katrina, produzidos e relacionados com o HAARP.

Desastres mortais previstos foram:
· O atentado terrorista em Nova York - O HAARP operação de falsa bandeira de 9,11- dirigido com auto ataque às Torres Gêmeas.

· Um furacão em Nova Orleans - O HAARP melhorou e direcionou o furacão Katrina, a cidade e o porto.

· Um possível terremoto em San Francisco, através da utilização das antenas da HAARP, localizado no Alasca. THE BIG ONE.

Clifford E. Carnicom, um especialista reconhecido no mundo desde 1999 fala sobre a pulverização de aerossóis na atmosfera (também conhecido como "Chemtrails"), em uma entrevista exclusiva com Alfred ExopoliticsTV.

A operação secreta de pulverização de aerossóis havia transformado a atmosfera da Terra em um plasma para transportar armas, tais como aplicações de bio-guerra (incluindo a doença de Morgellons), operações eletromagnética, como a guerra de baixa freqüência HAARP provocando abalo na placas tectônicas (terremotos), controle mental, a tecnologia avançada de vigilância e detecção de tecnologia de propulsão avançada, incluindo OVNIs.

O excesso de todos os fins da presente operação secreta da pulverização de aerossóis na atmosfera para convertê-lo em plasma, era conseguir "controle absoluto" sobre a população humana mundial.

Carnicom afirmou: "A vitalidade e viabilidade da existência humana e da vida neste planeta está em perigo."
Nós estamos sempre nos lembrando da atrocidades do nazistas e não nos lembramos das atrocidades dos efeitos de Hiroshima and Nagasaki. Por que? Porque a versão da história só é contada por quem vence.

Sobre questões relativas a saúde com relação a contaminação de radiação nuclear consulte Health Physics Society

http://bloglaurabotelho.blogspot.com/

Obama diz que são necessárias cedências para evitar incumprimento (Calote)

Democratas e republicanos continuam divididos no que toca à necessidade de aumentar o limite de endividamento dos Estados Unidos.

A contagem decrescente para as eleições presidenciais em 2012 está a dificultar o consenso.

Barack Obama diz que são necessárias cedências dos dois lados para chegar a um compromisso:

“Estou disposto a fazer o que for preciso para resolver o problema, mesmo que não seja politicamente popular. Espero que os líderes demonstrem no Congresso a mesma vontade de compromisso. A verdade, é que não se pode resolver o nosso défice sem cortar nos gastos e sem pedir aos americanos mais ricos que paguem mais.”

Em maio, os Estados Unidos atingiram o teto máximo da dívida do país, de 14,3 biliões de dólares – cerca de 10 biliões de euros. Se não houver acordo até ao início de agosto, o país deixa de ter dinheiro para pagar aos credores.

Uma situação que o presidente norte-americano quer evitar a todo o custo.

Na quinta-feira, Obama deu um prazo máximo de 36 horas à Câmara dos Representantes para chegar a um acordo, numa altura em que aumentam os receios de que o país possa entrar em incumprimento.

Copyright © 2011 euronews

Nota:

O mundo e a economia tem que quebrar, isso vai acontecer gostem ou não. A crise de 2008/2009 foi um ensaio, agora a coisa promete ser bem pior, só assim vão conseguir implantar a Nova Ordem Mundial tão sonhada por eles.

Estamos falando, a NWO vai se instalar, exite uma agenda para isso acontecer, existem planos para isso, e quebrar a economia e uma terceira guerra mundial estão na agenda dos illuminatis.

Fiquem atentos

Abraço

Célio

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Skull Belt Buckles